Programação

31/03/2021

Projeto Cinema Marajó promove roda de conversa sobre educação e cinema
Representantes das Universidade Federal de Goiás, da Produtora Ao Norte e Primeiro Plano participam de uma roda de conversa online realizada pelo Projeto Cinema Marajó. Um projeto idealizado pelo Grupo de Antropologia Visual – VISAGEM, da Universidade Federal do Pará e selecionado pelo Edital de Audiovisual – Aldir Blanc Pará 2020. A roda de conversa será no dia 31 de Março, às 15h pelo canal do Projeto Cinema Marajó, no youtube.
A mesa vai discutir a importância do cinema na educação e da utilização do cinema como ferramenta metodológica, além de mostrar como o envolvimento das crianças desde as primeiras séries no fazer cinematográfico pode ampliar a visão de mundo dos alunos. A ideia é envolver professores, pesquisadores e alunos do projeto numa discussão que pode levar a mudança na utilização do cinema dentro dos padrões curriculares.
Participam dessa mesa Maria Alice Carvalho Rocha, doutora professora em Educação pela Universidade Federal de Goiás, com estudos e produtos artísticos centrados na temática da infância no cinema e em produções audiovisuais. Outro convidado é José da Silva Ribeiro mestre em Comunicação Educacional Multimedia pela Universidade Aberta de Portugal e doutorado em Ciências Sociais – Antropologia pela Universidade Aberta de Portugal e realiza trabalho de campo em Portugal, Cabo Verde, Brasil, Argentina e Cuba.
Compõem a mesa ainda Raquel Pacheco da Rede Primeiro Plano, pesquisadora de pós-doutorado pelo CIAC – Centro de Investigação em Artes e Comunicação da Universidade do Algarve e pela FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia (Lisboa, Portugal). Mestre e Doutora em Ciências da Comunicação pela FCSH – Universidade Nova de Lisboa com pesquisas na área do cinema e educação, literacia fílmica e audiovisual e estudo dos media. Completa a mesa Denise Cardoso, coordenadora do Projeto Cinema Marajó e do Grupo de Antropologia Visual da Ufpa.
Dentro do calendário do Projeto Cinema Marajó temos ainda mais uma live e duas oficinas, uma de audiovisual e outra de fotografia a serem realizadas nas cidades marajoaras de Melgaço e Breves com datas ainda indefinidas por causada da pandemia.

15/04/2021

Festivais de Cinema da Amazônia podem trabalhar em calendário unificado de mostras. Os festivais de cinema vêm aumentando na Amazônia e são a principal forma de mostrar a produção audiovisual local. Os festivais não movimentam apenas os produtores de filmes, mas vários setores como de negócios e de eventos acabam ganhando com as mostras. Alinhar o potencial desses festivais é o objetivo da mesa virtual “A Importância dos Festivais e Mostras de Cinema na Amazônia”. O evento é uma realização do Projeto Cinema no Marajó, que foi aprovado no Edital de Audiovisual Lei Aldir Blanc Pará 2020. Os produtores de festivais se encontrarão no dia 15 de abril, às 10h, com transmissão ao vivo pelo canal do projeto no Youtube.
Participam do debate Zienhe Castro, organizadora do Festival de Cinema Pan-Amazônico Amazonia.Doc; Francisco Weyl, criador do Festival Internacional de Cinema do Caeté; Delen de Castro, um dos coordenadores do Festival de Cinema Negro Zélia Amador de Deus; Joyce Cursino, do Cinema de Periferia Telas em Movimento; e Alessandro Campos, do Festival de Cinema Etnográfico do Pará, que também é produtor executivo do Projeto Cinema no Marajó e Evandro Medeiros do Festival Cine Front.
“A principal motivação para a realização de um filme ou de um projeto audiovisual é a visualização e o alcance desse produto, ninguém faz um filme, um documentário para não mostrar”, explica o produtor executivo do Projeto, Alessandro Campos. Os filmes e produtores precisam das mostras de cinema e é isso que essa mesa quer vai tratar. “A discussão é uma tentativa de fomentar, discutir e incentivar cada vez mais canais de exibição. Dessa forma, estaremos incentivando ao mesmo tempo a produção”, acrescenta.

11 a 15/05/2021

Oficina Introdução ao Audiovisual (utilização do celular) de modo online com Marcio Crux, Alessandro Campos, Rafael Café e Alexandre Nogueira onde, no final da oficina, os dois curtas-metragens produzidos durante cada oficina serão exibidos na Mostra de Cinema Documentário.

14 a 16/05/2021

Fotografia Mobile (utilização do celular) de modo online com Denise Cardoso, Felipe Bandeira Netto, Shirley Penaforte e Denise Sá que culminará com exposições fotográficas dos ensaios produzidos pelos alunos no site oficial do projeto, em uma Galeria Virtual.

26 a 30/05/2021

Oficina Introdução ao Audiovisual (utilização do celular) de modo online com Marcio Crux, Alessandro Campos, Rafael Café e Gilberto Mendonça onde, no final da oficina, os dois curtas-metragens produzidos durante cada oficina serão exibidos na Mostra de Cinema Documentário.

05 a 07/05/2021

Fotografia Mobile (utilização do celular) de modo online com Denise Cardoso, Felipe Bandeira Netto, José Ribeiro, Shirley Penaforte e Denise Sá que culminará com exposições fotográficas dos ensaios produzidos pelos alunos no site oficial do projeto, em uma Galeria Virtual.